Tão perto, e ao mesmo tempo tão longe.



          Sabe essa frase "Tão perto, e ao mesmo tempo tão longe"? Pois bem, ela fez sentido agora. Já teve a sensação de querer muito o abraço de alguém? Tudo bem que, nem sempre isso é possível, mas, apenas já sentiu essa sensação?
          As vezes, muitas coisas não dão certo em nossas vidas pelo simples fato de o que é realmente "certo" não ter chego. Ah, como eu queria esse abraço. É com eu digo: Tenha calma e sonhe mais alto!
          Diversas vezes, nós imaginávamos como seria se "os nossos planos" fossem adiante. Um visitar o outro, uma vez de cada, seria o justo. E por fim - que seria sempre o início - estaríamos sempre juntos, ali... Com o abraço mais quentinho que poderíamos receber um do outro, sempre, até no momento de entrar no ônibus  a caminho de casa. Ah, como eu queria esse abraço. 
          Então, depois de certo tempo, continuo a pensar e repensar sobre os planos. 
Imagine a cidade imensamente lotada - época de festas ou não, que seja - eu descendo do ônibus com aquela cara roxa de tanta vergonha, você vindo e imaginando "Meu Deus! Que cara roxa essa garota tem! (risos)". E como sempre, minhas primeiras palavras seriam "AI - MEU - DEUS! (Cara de assustada, pernas tremulas, sorriso no rosto e uma vergonha que daria pra ver da China". 
          Tá bom, tá bom. Juro que agora, vou parar de sonhar alto - ou não, talvez eu continue sonhando ainda mais alto, até te alcançar - eu juro.








Share this:

JOIN CONVERSATION

    Blogger Comment

0 Comentários:

Postar um comentário